Tempo São Paulo, SP

Últimas Notícias

Oficina avalia prioridades para a Mata Atlântica

08/31
13:25 2018

Objetivo da 2ª Atualização das Áreas Prioritárias no bioma é contribuir para ações como criação de UCs, licenciamento, fiscalização e uso sustentável.



Começou nesta terça-feira (28), em Porto Seguro (BA), a Oficina de Oportunidades – 2ª Atualização das Áreas Prioritárias para a Conservação, Uso Sustentável e Repartição dos Benefícios da Biodiversidade da Mata Atlântica. O evento, que segue até a quinta-feira (30), é promovido pelo Departamento de Conservação de Ecossistemas do Ministério do Meio Ambiente (MMA). Clique aqui para ver a programação.

 

A oficina faz parte do segundo processo de atualização das áreas prioritárias para a conservação na Mata Atlântica, previsto para ser encerrado em dezembro. Essas áreas são importantes para a tomada de decisões sobre planejamento e implementação de ações para conservação da biodiversidade brasileira, como a criação de unidades de conservação, licenciamento, fiscalização e fomento ao uso sustentável.

 

Ao longo do processo, estão previstas consultas a especialistas e oficinas presenciais, como a que ocorre agora. A ideia é ouvir, além de representantes de instituições públicas e ONGs ambientais, comunidades tradicionais e de movimentos sociais que atuam na Mata Atlântica e que possam auxiliar na identificação e análise de dados georreferenciados sobre atividades que contribuam para a conservação da biodiversidade no bioma, como presença de terras indígenas, territórios quilombolas, sistemas agroflorestais, silvicultura de nativas, manejo florestal comunitário, ecoturismo de base comunitária, entre outros.

 

Segundo os gestores do Departamento de Ecossistemas do MMA, essa fase da avaliação é fundamental para construção e organização da base de dados e informações sobre uso sustentável da biodiversidade na Mata Atlântica. Esse processo de atualização de áreas prioritárias vai auxiliar na elaboração de um sistema de planejamento mais eficaz. Com isso, os investimentos e esforços do governo e da iniciativa privada serão aplicados na elaboração de uma estratégia espacial, visando à promoção de ações integradas de conservação do bioma.

 

SAIBA MAIS

 

As regras para a identificação de áreas prioritárias foram instituídas formalmente pelo Decreto nº 5.092 de 21/05/2004, no âmbito das atribuições do MMA. O trabalho tem apoio do IPÊ - Instituto de Pesquisas Ecológicas; do Projeto Biodiversidade e Mudanças Climáticas na Mata Atlântica, coordenado pelo ministério no contexto da Cooperação para o Desenvolvimento Sustentável Brasil-Alemanha; e da Iniciativa Internacional de Proteção do Clima (IKI) do Ministério Federal do Meio Ambiente, Proteção da Natureza, Construção e Segurança Nuclear (BMUB) da Alemanha. Conta ainda com apoio técnico da Agência Alemã de Cooperação Internacional (GIZ), GmbH e apoio financeiro do KfW Banco de Fomento Alemão.

 


Fonte: Portal MMA

 

 

Comentários (0)

Escreva um comentário





Comentários


Mais Notícias

Brasil e Argentina firmam cooperação para segurança química Leia Mais!
Encontro discute regiões hidrográficas do Sul Leia Mais!
Aprovada resolução para manejo de fauna silvestre e exótica Leia Mais!
Ação brasileira contribui para combate à mudança do clima Leia Mais!
Mais recursos para revitalizar a região do Velho Chico Leia Mais!
Operação resgata 118,5 mil peixes de lagoas ameaçadas Leia Mais!
R$ 228 milhões para expandir energias renováveis Leia Mais!
Desafios para a gestão dos recursos hídricos no país Leia Mais!
Interáguas fortalece gestão das águas Leia Mais!
Brasil pode ter seu primeiro sítio misto reconhecido pela Unesco Leia Mais!
Governo diferenciará desmatamento legal do ilegal Leia Mais!